TFG: A era do Jazz!

admin em 11.12.2015 ás 12:21

Com o fim de American Horror Story se aproximando, há cada segundo a respiração dos fãs fica mais pesada. Com os olhos atentos, estamos constantemente vigilantes para qualquer notícia do quinto álbum. Porém, ainda não é tempo de lançarmos hipóteses sobre qual a sonoridade ou a identidade do próximo disco. É hora de nos viramos um pouco para uma era que está acabando, mas que foi crucial na carreira de Gaga. Let’s talk about Cheek to Cheek.

91414_GagaBennettCover-ftr

Antes de montar sua primeira banda de rock, antes de entrar na cena burlesque com a sua mentora Lady Starlight, nossa queria Stefani Germanotta já se apresentava em casas de jazz no início da adolescência, com o apoio e supervisão de sua mãe, Cynthia. Instruída no piano desde pequena, nossa futura estrela teve seus primeiros contatos com o mundo da música e da arte de uma maneira bem clássica. A sua formação na Tisch School of Arts, uma das universidades mais renomadas dos Estados Unidos, ajudou a construir um sólido pilar que sustenta toda a sonoridade de Gaga.

Embora as músicas pop da Mother Monster possam, em um primeiro momento, parecer qualquer coisa, menos composições clássicas, não é bem assim. As suas baladas ao piano evidenciaram desde cedo que ali estava uma artista que sabia, de fato, compor. Que tinha conhecimento técnico. As teorias da música, mescladas com inspirações dos grandes nomes do pop, ajudaram a criar uma sonoridade irresistível. Em várias faixas dos diversos álbuns, encontramos samples de instrumentos clássicos. As versões acústicas, normalmente mais extensas que as performances originais, mostram que Gaga não está fazendo só um pop inconsequente.

Ainda assim, a indústria da música é forte e muitas vezes impôs padrões à cantora, restringindo sua liberdade. Gaga queria ser uma estrela do rock, mas teve a oportunidade de entrar no mercado como uma diva pop; e o fez brilhantemente, diga-se de passagem.

mgid-uma-image-mtv.com-9996832

Enfim, todos os problemas com o mercado abalaram Gaga, e a partir de Born This Way, ela entrou em um caminho difícil de desilusão com a música. Nesse momento, figuras como Elton John e Tonny Bennet ajudaram nossa rainha a se reerguer. Gaga tentou se libertar com ARTPOP, produzir um pop completamente dentro dos seus parâmetros e com o mínimo de influência externa. Ainda assim, era preciso mais. Gaga precisava ir além do pop. Sua alma versátil de artista não aguentava mais se ater a uma única faceta do vasto mundo da música. E eis que surgiu o convite para trabalhar com Tony Bennet.

Já como Lady Gaga, podíamos ver Stefani arriscando algumas performances de jazz mais modestas, pontuais e pouco divulgadas no decorrer de sua carreira. Com Cheek to Cheek, Gaga causou mais barulho. Mostrou seus vocais poderosos, ostentou glamour em looks clássicos (com uma pitada de estilo monster, claro), e conquistou um público inteiramente novo. Essa audiência era mais velha que o padrão dos seus fãs, estava imersa em outro universo artístico e provavelmente tinha preconceito contra a “artista pop excêntrica de nome estranho”. Essa foi uma jogada que pouquíssimas estrelas da música conseguiram. Se ainda restava alguma dúvida sobre o talento de Gaga fora do pop, a apresentação no Oscar de 2015 virou todos os holofotes para ela, e vieram os aplausos. Gaga foi rapidamente acolhida e elogiada pela comunidade do jazz, não sendo raras as vezes em que foi citada junto de nomes como Amy Whinehouse e Frank Sinatra. Falando em Sinatra, a filha do cantor declarou uma vez que com certeza ele estaria trabalhando com Gaga hoje, se estivesse vivo. E agora, Gaga se apresentou em um tributo a Sinatra, performando um de seus maiores sucessos: New York, New York.

Que Gaga se firmou como um nome do jazz, isso ficou mais do que claro. Mas porque falar disso agora, quando todos querem saber do próximo lançamento pop? Porque a carreira de Gaga nunca mais será a mesma, evidentemente. Gaga provavelmente nunca deixará de trabalhar com o pop, já que faz isso com maestria e realmente ama o estilo. Mas agora que se libertou, que deu o primeiro passo rumo à plenitude artística, Gaga não vai parar. Tony Bennet já mencionou várias vezes um segundo álbum. Será que vem composições originais, dessa vez? E não podemos esquecer as constantes parcerias de Gaga com nomes do rock, como Queen, Sting e Rolling Stones. E sabemos também que a Mother Monster é chegada ao hip-hop e rap, tendo já experimentado pisar nesse terreno. E vale dizer que, depois de participações especiais na TV e no cinema,Gaga está investindo em uma carreira como atriz. O fato é que, mesmo que muitos monsters não tenham apreciado tanto a era gloriosa Cheek to Cheek, podemos ter certeza que veremos Gaga investir mais e mais fora do pop. Ela nunca deixará de nos presentear com hits matadores, mas não se conterá mais em sua jornada para se tornar uma artista completa; e isso significa não apenas passear pelos diversos ritmos do mundo da música, mas para além dele, rumo a outras formas de expressão artística.

1_28229

TFG: Para além da música; a arte!

admin em 30.10.2015 ás 12:02

Bem vindos, Little Monsters, à nova coluna do Lady Gaga Brasil. Through Fame and Glory é uma coluna quinzenal que analisará a carreira de Lady Gaga, revisitando momentos passandos, procurando tendências e fatos relevantes para o futuro da Mother Monster. Para além dos rumores, a proposta é traçar os passos de Gaga e explorar as possibilidades para o que está por vir. Por trás dos palcos e do show de luzes, falaremos sobre a relação de Gaga com a mídia, suas reinvenções, o impacto e a repercursão de seus atos em sua carreira. Sem mais delongas, vamos ao que interessa!

tumblr_nw71yfTi6S1uug0llo1_500

Cheek to Cheek, o Oscar e Till e Happens to You foram um sopro de ar fresco e uma grande reinvenção na música da Mother Monster. Foi novo, foi surpreendente; ela se metamorfoseou em algo diferente e ainda mais incrível do que nunca. Essa era focou nos seus vocais, na sua beleza natural (sem toda a maquiagem que ela usa normalmente) e provou que ela não é apenas uma estrela pop. Se Lady Gaga pretendia passar uma imagem mais humana de si mesma com ARTPOP, se apresentando com seu cabelo natural e cantando sobre sentimentos sinceros em tom confessional, foi com Cheek to Cheek que ela alcançou com excelência esse objetivo, com performances espontâneas e divertidas, onde Gaga ostentou o glamour clássico sem perder seu estilo inovador.

Ela se apresenta cada vez mais como uma artista completa, que não só passeia com conforto pelos ritmos musicais, como também não se intimida de pisar em novos terrenos.

Till It Happens to You foi a canção perfeita em inúmeros sentidos. Uma letra direta e versátil, capaz de tocar qualquer um que já tenha se sentido vulnerável em algum momento da vida; uma composição poderosa, com instrumental e vocal primorosos em harmonia: esses elementos, por si só, já tornam a canção um single avassalador, mas há muito mais. Falando de ativismo e militância, a publicidade que a imagem de Gaga deu ao tema de abusos sexuais, com a inserção de sua canção no documentário The Hunting Ground, é inquestionável. E sim, todos nós mal podemos esperar para ver Gaga estrelando mais um clipe, porém o fato da cantora se ausentar do vídeo de Till It Happens to You foi uma estratégia sutil, que demonstra a preocupação com o fato da imagem da artista não eclipsar o tema extremamente relevante que a obra, como um todo, carrega. No mais, a poderosa balada leva Gaga aos primeiros passos ao retorno para a música pop da melhor qualidade, em grande estilo.

tumblr_nt3x5yolkQ1uug0llo1_500

Agora, American Horror Story: Hotel a lançará em solo novo. Gaga já participou de filmes como Sin City e Machete Kills, além de ter feito rápidas aparições em alguns seriados norte-americanos, mas interpretar a Condessa Elizabeth pode ser ótimo para sua carreira. Gaga é cantora, dançarina, compositora, artista performática. Ela estudou fama, cultura e sociologia. Ela sabe se promover como ninguém e é um monstro do marketing. E agora, ela se revela como atriz! Sem falar que AHS cai como uma luva na imagem de Gaga, de todas as maneiras possíveis. Nós amamos a música pop da Mother Monster, e claro que ela também ama esse estilo. As roupas malucas, a maquiagem pesada, as perucas. Mas Gaga é muito mais que isso. Ela se apresenta cada vez mais como uma artista completa, que não só passeia com conforto pelos ritmos musicais, como também não se intimida de pisar em novos terrenos. Ela é uma grande artista que está sempre procurando novos meios de se expressar. É incrível como Gaga é versátil e é surpreendente como ela continua cativando mais e mais fãs de diferentes idades, países, interesses e culturas.

gagaicon

O que podemos esperar de seu passo pós-American Horror Story, muito se suspeita, mas nada se sabe com certeza. The Fame a consagrou como sucesso de vendas. The Fame Monster levou seu pop aos níveis mais altos. Born This Way foi uma explosão criativa e uma superprodução. ARTPOP a tornou mais independente, e os problemas nos planos dessa era com certeza a ensinaram muito. Cheek to Cheek a mostrou um novo jeito de brilhar e a consagrou para uma audiência completamente nova. É cedo para dizer em que sentindo American Horror Story influenciará a música de Gaga, mas os benefícios para sua carreira são evidentes. Com toda a certeza, o próximo álbum pop de Gaga será algo completamente diferente do que já ouvimos. As constantes contribuições de Gaga com nomes do rock e sua recente declaração sobre o Iron Maiden podem sugerir que talvez, só talvez, estejamos mais próximos do algumas vezes mencionado álbum de rock da Mother Monster. Pode ainda ser um grande sonho, mas se Gaga realmente avançar nessa direção, seu nome brilhará como nunca. Embora o caminho de Gaga não tenha sido só de sucessos, são os erros que verdadeiramente impulsionam o ser humano. E sabemos muito bem que a nova-iorquina descendente de italianos aprende rápido. Aguardemos, Little Monsters, e estejamos preparados para grandes surpresas.

tumblr_nvldv3AMJG1qeuk6oo4_500

 

Through Fame And Glory: A nova coluna do Lady Gaga Brasil!

admin em 28.10.2015 ás 7:04

Through Fame and Glory será uma coluna quinzenal escrita por Victor Comenho que analisará a carreira de Lady Gaga, revisitando momentos passandos, procurando tendências e fatos relevantes para o futuro da Mother Monster. Para além dos rumores, a proposta é traçar os passos de Gaga e explorar as possibilidades para o que está por vir. Por trás dos palcos e do show de luzes, falaremos sobre a relação de Gaga com a mídia, suas reinvenções, o impacto e a repercurssão de seus atos em sua carreira.

social

TFG estreia nesta sexta-feira (30) aqui no Lady Gaga Brasil!

Filthy Pop: Lady Gaga está planejando trocar de empresário?

admin em 31.5.2014 ás 3:59

O jornal The Sun publicou recentemente que Lady Gaga está a procura de um novo empresário. Ainda segundo o jornal britânico, a cantora estaria de olho em um dos grandes responsáveis pelo sucesso de Justin Bieber nos Estados Unidos, o famoso Scooter Braun.

É bem provável que Gaga realmente esteja procurando caminhos diferentes para introduzir um novo álbum na indústria pop, de uma forma que não acabasse tendo o mesmo fim de seu recente ARTPOP. Como pudemos acompanhar, a proposta do último álbum de Lady Gaga é ótima na teoria, porém, quando foi colocada em pratica, foi vista pelo mundo inteiro que ainda precisa de alguns amadurecimentos. Isso talvez tenha se dado por causa de desentendimentos entre Gaga e sua equipe, o que ficou comprovado quando a cantora anunciou que Troy Carter (antigo empresário) não fazia mais parte da Haus Of Gaga.

No entanto, procurar um novo empresário talvez não esteja nos planos de Lady Gaga. Atualmente, a cantora está sob auxílio de Bobby Campbell, antigo ajudante de Troy Carter. Bobby, que começou trabalhando para a Interscope, tem acompanhado de perto a trajetória da cantora desde antes do lançamento de Just Dance. Mesmo assumindo o cargo em 2014, Lady Gaga, segundo fontes, teria pedido para que Campbell fosse seu empresário no final do ano passado, mais especificamente em novembro. Desde então, Gaga parece estar bastante satisfeita e seu trabalho sendo respeitado.

A questão nesse momento é: Gaga alcançou um nível muito alto em pouco tempo e, ainda assim, se manteve verdadeira a sua visão. Mesmo tendo que escolher seus singles de acordo com o desejo de uma gravadora, a cantora tem liberdade para divulgá-lo da forma que quiser (planejando seus clipes, performances e etc.). Contratar um empresário que foque no mainstream e sufoque sua arte, provavelmente irá incomodar Lady Gaga assim como Troy Carter fez ultimamente. Contudo, caso esse seja o desejo de Gaga, ela saberá lidar muito bem, assim como no começo de sua carreira.

OBS: Vale lembrar que o The Sun é conhecido mundialmente por publicar notícias sensacionalistas e, em sua grande parte, falsas.

DESTRUIDORA!: Sold Out show like Lady Asia

admin em 16.5.2014 ás 9:21

Olá queridos, amados leitores, e pessoas que não gostam da nossa coluna, DESTRUIDORA está de volta após essa semana que foi realmente a semana da Lady Gaga. E que semana em gente, como sempre com muito barraco, muito casos de família, muitas Solanges se revelando pelo mundo, muita artRAVE.

E ainda falando sobre artRAVE, aqui está a que pode ser considerada a FOTO DA SEMANA:

Image and video hosting by TinyPic

FILMA A CARA DESSA DEMÔNIA

Outro tema que adora abordar aqui na coluna, são os looks dos littles na fila da artRAVE, e essa semana todos ARRASARAM em…

Image and video hosting by TinyPic
Essa trava chamou mais atenção do que a nossa diva Penelopy Jean, que foi pro show no MSG. Outro look que chamou bastante atenção, inclusive até mesmo a da Gaga, foi esse:

Image and video hosting by TinyPic
É aqui a Anjo Ferido Tour?
E claro, a semana tinha que ter, como sempre, um BARRACO, afinal, quem não gosta de um bom barraco? Tudo começou, após o inicio da Prismatic Tour, da Katy Keene Perry, como todos little monsters adoram dar uma espiadinha na concorrência, inclusive a Gaga, algumas coisas pareciam meio familiares. E após o veneno que a Gaga soltou semana passada no twitter, os little monsters se surpreenderam com isso:

Swine live at Prismatic Tour

Vários sites também publicaram artigos falando sobre essas comparações entre Gaga e Katy.

E mudando de assunto… esquece a Katya, chuta que é macumba

E claro, como toda e boa destruidora, não podemos deixar o barraco, da Solange com o Jay de fora, em gente, bem ao estilo Casos de Família. ESTOU MORTA COM O GIF ABAIXO:

Agora o Destruidora Pet, vai falar um pouco sobre Asia, a cachorra mais amada e invejada da fã base. Gente, eu não sei vocês, mas adoro a Asia, ela tão natural, tão sem reação…

Image and video hosting by TinyPic
A Gaga também abusa da coitada, tem horas que dá até pena…


Essa semana a Asia brincou até de ser sereia gente, morri com a fofura

Olha que fofa dando a elza nas estrelinhas da Gaga. Outro momento fofura foi esse

Essa roupa que a Gaga usa na performance de Gypsy é PERFEITA, desculpa você que não concorda.

E agora chegamos na que pode ser a tristeza da semana, uma fã comprou lá o meet com a Gaga né, e claro, como uma boa irmã monster, foi interceder por nós, e se habilitou à perguntar algumas coisas sobre a turnê, e claro, se ela irá passar pela America Latina, e inclusive o Brasil.

De acordo com a fã, Gaga parecia estar bastante irritada, e que quando foi perguntada sobre a turnê, Gaga disse que ainda não sabia se ela irá passar por terras latinas, e ainda disse para não perguntarem sobre o documentário, que ela havia filmado com Terry Richardson (que deve já ter sido arquivado assim como o vídeo de DWUW). MALDITA!

Ai gente, estou chorando aqui, e o dinheiro que já tava planejando economizar? E os cachorros do vizinho que ia levar pra passear? Gaga, e a tatoo do RiO? Você disse ter amado o país? Estou choroso.

E assim chegamos ao fim de mais uma edição de DESTRUIDORA!, a primeira edição foi chok de divulgação, de animação, e todos amaram, e odiaram, e podem continuar falando que copiamos colunas de outros lugares, e blábláblá, colunas de humor, com teor de informação, ainda não foram patenteadas por ninguém, continuem falando, e divulgando a coluna, é disso que gostamos.

DESTRUIDORA VOLTA NA SEMANA QUE VEM! Bjs amados e amadas

Página 1 de 10123...510...Última »